PF investiga lavagem de dinheiro do tráfico de drogas em MS

Foram cumpridos três mandados de busca a apreensão e 39 imóveis foram retidos, com um valor total de R$ 4 milhões.

A Polícia Federal deu início à Operação Spollium, nesta sexta-feira (13/03), para combater a lavagem de dinheiro do tráfico de drogas na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. Foram cumpridos três mandados de busca a apreensão e 39 imóveis foram retidos, com um valor total de R$ 4 milhões.
Segundo a PF, os criminosos usavam laranjas para movimentar os valores e ocultar o patrimônio ilícito. A quadrilha investigada é vinculada a um traficante já condenado pela polícia brasileira, que responde por tráfico de drogas, organização criminosa, receptação, posse e porte de arma de fogo, homicídios e uso de documento falso.
A justiça também determinou o bloqueio na conta bancária dos suspeitos. Caso sejam condenados, os acusados poderão ser indiciados por organização criminosa e lavagem de dinheiro, e podem pegar até 18 anos de reclusão.