Pastores são indiciados por crimes sexuais em Aracaju

"Essas mulheres teriam sido vítimas nos anos de 2011 e 2013, quando tinham 13 e 15 anos", disse a delegada Josefa Valéria

atualizado 26/05/2021 10:53

Pastores Lucas Abreu e Luiz AntônioReprodução/Redes sociais

A Polícia Civil indiciou Lucas Abreu, pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular em Sergipe (IEQ-SE), pelos crimes de assédio sexual, violação sexual e estupro de vulnerável.

Já o seu pai, o pastor Luiz Antônio, superintendente estadual da IEQ, foi indiciado pelo crime de violação sexual mediante fraude. As vítimas são mulheres que frequentavam templos da IEQ em Aracaju.

Leia mais em F5 News, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias