Operação Vertex: Nejmi Aziz, esposa de senador do DEM, volta à prisão

Ela deve cumprir o restante do mandato de prisão temporária que foi interrompido por liminar após pedido de habeas corpus

Nejmi Aziz, esposa do senador e ex-governador do Amazonas Omar Aziz (DEM-AM), foi presa novamente pela Polícia Federal (PF) nesta sexta-feira (31/07/2019). Ela é um dos principais alvos da operação Vertex, que investiga a prática de crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Inicialmente, ela foi presa no dia 19 de julho e ficou detida por duas noites no Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), mas foi liberada por uma liminar após pedido de habeas corpus.  Porém, após recurso da PF, a decisão foi suspensa e Nejmi voltou a ser detida.

Segundo informações da polícia, ela passou por exame de corpo de delito no IML e já deu entrada no CDPF. A defesa da ex-primeira dama do Amazonas pretende avaliar a prisão da cliente. “A liminar do habeas corpus foi revogada e foi decretada a prisão dela para que cumpra-se os dois dias remanescentes em relação ao mandado de prisão inicial, de prisão temporária. Nós estamos avaliando ainda. Isso aconteceu agora de manhã e a gente está avaliando ainda o que vai ser feito”, disse a advogada de Nejmi.

A esposa de Omar Aziz responde, junto a três irmãos do senador, por terem ocultado a entrega de dinheiro oriundo de corrupção por meio de contratos de aluguel e de compra e venda. A Operação Vertex foi desmembrada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) ao identificar que um ex-governador do Amazonas investigado poderia ter direito a foro privilegiado, por exercer cargo de senador.