Moro diz que está sendo vítima de “campanha de fake news”

O ex-ministro da Justiça tem trocado farpas com o presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais desde que pediu demissão do governo

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro afirmou, neste domingo(26/04), estar sendo vítima de uma campanha de fake news nas redes sociais. Após pedir demissão do governo de Jair Bolsonaro (sem partido), Moro passou a ser alvo de Bolsonaro, seus filhos e apoiadores do presidente da República.

Por meio de sua conta no Twitter, Moro afirmou que tentam desqualificar sua imagem.

“Tenho visto uma campanha de fake news nas redes sociais e em grupos de whatsapp para me desqualificar. Não me preocupo; já passei por isso durante e depois da Lava Jato“, afirmou o ex-ministro, que encerrou: “Verdade acima de tudo. Fazer a coisa certa acima de todos”, referência velada ao lema de campanha de Bolsonaro, que era: “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos”.

Desde sexta-feira (24/04), quando deixou a pasta e acusou o presidente Jair Bolsonaro de estar tentando interferir nas investigações da Polícia Federal, Moro e Bolsonaro têm trocado acusações nas redes.

Parte deles chamam Sergio Moro de traidor – a tag, inclusive, chegou aos trending topics do Twitter – enquanto outro grupo, também pelas redes sociais, tem se mostrado crítico ao presidente da República.