TJRJ dá 15 dias para Bolsonaro pagar multa a Jean Wyllys após perder ação

Assim que for citado, presidente da República terá 15 dias para pagar pouco mais de R$ 2,6 mil ao ex-deputado e a advogado

atualizado 09/08/2020 14:28

Reprodução/Facebook

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) concedeu 15 dias ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para pagar R$ 2.666,33 ao ex-deputado federal Jean Wyllys e ao advogado Lucas Mourão.

A informação foi revelada pelo colunista Ancelmo Góis, do jornal O Globo. O dinheiro se refere a uma ação movida por Bolsonaro contra Jean Wyllys, que teria chamado o atual presidente de “borriquoto”, “fascista” e “nepotista”.

O atual chefe do Executivo federal pedia uma indenização de R$ 22 mil por danos morais.

O mandatário da República, no entanto, perdeu a ação, uma vez que o juiz Leonardo de Castro Gomes, da 47ª Vara Cível do tribunal fluminense, não considerou procedente a reclamação de Bolsonaro.

Na prática, o ex-deputado federal terá direito a R$ 444,39, enquanto Lucas Mourão receberá R$ 2.221,94, referente aos honorários da advocacia exercida durante o processo.

Últimas notícias