Categorias: Justiça

PGR rejeita abertura de investigação criminal contra Bolsonaro

A Procuradoria-Geral da República (PGR) rejeitou a abertura de uma investigação criminal contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) por suposta compra de votos para aprovar a reforma da Previdência. As informações são do jornal O Globo.

O caso chegou à PGR depois que deputados do PSol, incluindo David Miranda (RJ), Edmilson Rodrigues (PA), Fernanda Melchionna (RS) e Glauber Braga (RJ), apontaram liberação de emendas parlamentares para comprar votos a favor da pauta previdenciária no Congresso.

Além de Bolsonaro, a ação do PSol apontou o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), por “indevidas interferências” no processo de votação da Emenda à Constituição nº 103/2019.

Da Redação

Últimas notícias

Salve-se Quem Puder: Petra fracassa e Alexia se sente vingada

Incapaz de decorar os textos, ela tem seu papel bastante reduzido

3 minutos passados

Treinador do Lyon diz não ter plano especial para parar Ronaldo

Segundo Garcia, seria pouco inteligente concentrar os esforços defensivos em apenas um adversário

11 minutos passados

Carnaval 2020: Pacotão desfila com irreverência e protestos

Um dos mais tradicionais blocos de Brasília sai pelas ruas da cidade nesta terça-feira (25/02/2020)

17 minutos passados

Carnaval 2020: faça um giro pelos looks das celebridades

Veja o que as principais personalidades brasileiras escolheram para as produções carnavalescas

18 minutos passados

Espaço VIP Camarote da Arara estreia na Marquês de Sapucaí

Situado em frente ao recuo da bateria, o espaço - de três andares - recebeu nomes de peso. Saiba mais

18 minutos passados

Vídeo: gambá é resgatado após se esconder em armário de cozinha

Os moradores se depararam com o animal na madrugada desta terça-feira (25/02/2020), em Corumbá (MS)

19 minutos passados