*
 

A Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal aprovou, nesta quarta-feira (11/4), a formação de uma comitiva para ir à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, a fim de “verificar as condições de encarceramento” do ex-presidente Luiz Ina cio Lula da Silva. Presidido pela senadora Regina Sousa (PT-PI), que fará parte da comitiva, o colegiado tomou a decisão um dia após a Justiça negar a visita de nove governadores e dois senadores a Lula.

A previsão é de que os parlamentares se desloquem até Curitiba na próxima semana. Farão parte da comitiva as senadoras Ângela Portela (PDT-RR), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e Fátima Bezerra (PT-RN), e os senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), Telmário Mota (PDT-RR), Paulo Paim (PT-RS), Jorge Viana (PT-AC) e Paulo Rocha (PT-PA), além de Vanessa Graziotin (PCdoB-AM), autora do requerimento.

Na terça-feira (10), a juíza federal substituta Carolina Moura Lebbos alegou não haver “fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas” na carceragem. Nesta manhã, a Polícia Federal divulgou nota dizendo que o ex-presidente recebe os mesmos benefícios dos demais presos na sede da corporação no Paraná.

 

 

COMENTE

Polícia FederalSenado Federalprisão de Lulavisitas a Luladiligência
comunicar erro à redação

Leia mais: Justiça