Jovem de Salvador faz vaquinha por sonho de mestrado na Inglaterra

Gabriela Costa, de 24 anos, foi uma das alunas nota 1000 na edição do Enem de 2014 e passou em geografia para a UFBA

atualizado 18/09/2020 17:42

Reprodução/Redes sociais

Quem conhece a estudante Gabriela Costa, de 24 anos, nascida em Salvador, na Bahia, certamente sabe da paixão da jovem pela literatura e pela geografia.

Ainda no ensino médio, a estudante teve contato com a área por meio de uma professora e de livros de ficção histórica do escritor britânico Ken Follet.

“Eu fiquei encantada com os livros do escritor e tive uma professora de geografia que despertou minha paixão pela disciplina. Essas foram as minhas inspirações e o que me fizeram ter a certeza de que um dia eu atuaria com geografia e literatura”, relembra a jovem.

Agora, Gabriela pensa em ir além e carrega no peito o sonho de fazer mestrado na Inglaterra.

Formada em geografia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), ela foi aceita em cinco universidades do Reino Unido, e escolheu a Universidade de Bristol, em um curso com foco em geografia e literatura a partir da obra Os Pilares da Terra, de Follet, o escritor favorito de Gabriela.

“Eu sempre tive vontade de estudar no exterior e me desafiar. Por meio do meu interesse pela leitura do meu escritor favorito, o Ken Follet, descobri que os primeiros autores de geografia cultural e literatura são de origem britânica. Por isso decidi estudar na Inglaterra, onde também há mais material sobre esta área que estudo”, explica.

A jovem de 24 anos, no entanto, precisa de ajuda para realizar o sonho de estudar fora. Para isso, criou uma vaquinha on-line para levantar fundos e conseguir pagar os custos da viagem e os gastos com hospedagens e alimentação.

Qualquer ajuda é bem-vinda, e as doações podem ser feitas pelo link: vaka.me/1025285.

Gabriela precisa arrecadar R$ 130 mil. Até o momento, ela conseguiu R$ 18.356,00 em doações.

Trajetória

Após concluir o ensino médio, Gabriela passou em 2º lugar em um curso técnico em Geologia, no Instituto Federal da Bahia (IFBA). Na mesma época, ela foi uma das escolhidas para participar do Programa de Formação de Recursos Humanos Petrobrás, curso sobre estudos do biodiesel a partir de microalgas fotossintetizantes.

No programa, a estudante apresentou um projeto que chegou a ser exibido no VIII Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação (Connepi), em 2013.

Em 2014, a jovem esteve entre os 250 alunos nota 1000 na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Com o resultado, ela conseguiu o 1º lugar para cursar Geografia na Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Últimas notícias