*
 

A estudante Isadora de Morais, 14 anos, recebeu alta médica na manhã desta quinta-feira (9/11). A garota é uma das vítimas do jovem que atirou contra colegas de sala, no colégio Goyases, em Goiânia. Segundo o Hospital de Urgência Médicas de Goiânia (Hugo), ela passa bem e foi para casa.

Isadora ficou paraplégica e irá carregar as sequelas do atentado para o resto da vida. “A adolescente sofreu lesão na 10ª vértebra da coluna vertebral, comprometendo os movimentos das pernas em caráter definitivo”, informou o boletim médico.

Tiroteio

Quatro estudantes foram vítimas de um colega de classe, de 14 anos, que abriu fogo em sala de aula na manhã do dia 20 de outubro, no Colégio Goyases, em Goiânia. Um dia depois, a promotoria do Estado pediu a internação do atirador por 45 dias. O tiroteio deixou dois mortos: João Pedro Calembo, 14 anos, e João Vitor Gomes, 13 – os corpos de ambos foram sepultados na capital de Goiás, sob forte comoção.

 

 

 

COMENTE

Goiásatirador
comunicar erro à redação