Idoso é morto a marteladas pelo filho, que vai a encontro após crime

Igor Fanti confessou à polícia que cometeu o crime após o pai, Vicente Dias Fanti, insistir para ele procurar um emprego

atualizado 05/03/2021 22:28

Vicente Dias Fanti, idoso morto pelo próprio filhoArquivo Pessoal

São Paulo – Um idoso de 63 anos foi morto a marteladas pelo filho na Freguesia do Ó, bairro da zona norte de São Paulo. Igor Fanti, 21 anos, filho único da vítima, Vicente Dias Fanti, está preso temporariamente, por 30 dias, pelo crime cometido em 12 de fevereiro. As informações são do Agora.

À polícia, o jovem confessou o crime e usou como justificativa o fato de o pai insistir para que ele procurasse um emprego. Nessa quinta (4/3), a Justiça decretou a prisão de dois homens que teriam jogado o corpo de Vicente em um terreno, na Vila Brasilândia, também na zona oeste.

De acordo com depoimento de Igor à polícia, Vicente estava sentado em uma cadeira de praia vermelha, com as pernas esticadas e apoiadas em um degrau, quando foi atingido na cabeça, pelo primeiro golpe de martelo, dado pelas costas do idoso.

Segundo a corporação, o idoso foi encontrado com o rosto desfigurado. Após o crime, Igor teria pegado o carro do pai para sair em um encontro com uma mulher. Dias depois, ele foi com a mãe registrar um boletim de desaparecimento do pai e, posteriormente, compareceu ao velório.

O crime foi registrado no 28º Distrito Policial, Freguesia do Ó.

Nas redes sociais, Vicente Dias Fanti era dado como desaparecido desde 14 de fevereiro. Em publicações no Facebook, amigos e conhecidos procuravam saber do paradeiro da vítima.

Últimas notícias