*
 

Um homem detido na última quarta-feira (6/9), suspeito de se masturbar em frente a uma mulher e a filha dela, de 7 anos, usou o Facebook para negar as acusações.

Felippe Magarian Messias, de 34 anos, garantiu que, no momento, estava urinando. De acordo com a Polícia Civil de São Paulo, Felippe foi detido em flagrante, após ter tentado fugir entrando em um ônibus.

Segundo o Extra, ele foi indiciado pelos crimes de praticar ato obsceno em lugar público e praticar ato libidinoso na presença de alguém menor de 14 anos. O homem passaria por uma audiência de custódia na quinta-feira, mas a polícia não informou o resultado.

Porém, o acusado deu sua versão dos fatos na rede social, garantindo que, por não ter encontrado um banheiro, urinou na rua. “Naquela região não há um lugar onde eu pudesse ir ao banheiro naquele momento. A senhora e a criança vinham atrás e eu não as vi”, escreveu.

 

 

COMENTE

São Paulomasturbaçãoato libidinoso
comunicar erro à redação

Leia mais: Brasil