*
 

Um homem de 33 anos morreu após ser atropelado duas vezes no mesmo dia em Campina Grande (PB). Edvaldo Monteiro da Silva se envolveu no primeiro acidente na manhã de terça-feira (10/7).

De acordo com o UOL, ele foi levado ao hospital, mas fugiu antes mesmo de receber alta. Depois disso, foi atingido novamente por outro veículo e morreu. A segunda colisão aconteceu por volta das 17h40, na BR-230, Km 161. Nos dois casos, os motoristas fugiram sem prestar socorro e ainda não foram identificados. Para a polícia, a vítima deve ter sido atropelada e morta por um carro de passeio.

Edvaldo foi visto por testemunhas deixando o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, localizado na cidade paraibana. De acordo com o diretor-geral do centro médico, ele retirou a pulseira de identificação e mentiu para os vigilantes, afirmando que era acompanhante.

O homem estava com a irmã, mas ela saiu para jantar e não avisou à enfermagem que ele ficaria sozinho durante esse tempo.