*
 

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que um homem ataca crianças com veneno porque elas estavam fazendo uma oficina de maracatu.

Nas imagens, ele usa um borrifador e assume que a substância é venenosa. “Isso aí é uma vergonha, não é cultura”, afirma, enquanto as crianças se afastam para evitar uma possível contaminação.

O vídeo foi divulgado na manhã desta quinta-feira (9/11) em Foz do Iguaçu (PR). De acordo com a descrição, o “Ponto de Cultura Maracatu Alvorada Nova é um projeto realizado no Colégio Flávio Warken e em outros espaços públicos da cidade, em período de contraturno, por meio de programa mantido pelo Ministério da Cultura e a prefeitura de Foz do Iguaçu”.

“Estamos em choque com a cena e envio o vídeo como uma forma de denúncia de um claro exemplo de intolerância e violência”, disse nas redes sociais o instrutor do projeto, João Otávio Lourenço. O suspeito ainda não foi identificado.

 

 

COMENTE

VenenoParaná.intolerância
comunicar erro à redação

Leia mais: Brasil