Família confirma morte de bancária que desapareceu após ir a farmácia

As circunstâncias da morte dela ainda não foram esclarecidas. A Polícia Civil investiga o caso.

atualizado 14/01/2022 16:54

Flávia estava desaparecida desde a segunda-feiraReprodução/Redes sociais

A família da bancária Flávia Cristina Duarte, de 44 anos, confirmou o falecimento dela na tarde de quarta-feira (12/1). A mulher estava desaparecida desde a segunda-feira (10/1), e foi vista pela última vez ao ir a uma farmácia perto de casa, no bairro Coração Eucarístico, em Belo Horizonte (MG). As circunstâncias da morte dela ainda não foram esclarecidas. A Polícia Civil investiga o caso.

Familiares de Flávia se mobilizaram, por meio das redes sociais, na tentativa de obter informações a respeito do paradeiro dela. Eles informaram que a bancária já fez um tratamento contra depressão anteriormente e voltou a apresentar sinais da doença nos últimos dias. Na quarta-feira, Marcos Dias, irmão de Flávia, usou as redes para confirmar a morte dela e agradecer às mobilizações.

Leia mais no BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias