Em operação, PF prende quatro prefeitos e ex-deputado de Rondônia

Investigados são suspeitos de crimes contra a Administração Pública, após denúncia de empresário

atualizado 25/09/2020 14:44

dinheiro apreendidoPolícia Federal/Divulgação

Quatro prefeitos e um ex-deputado de Rondônia foram presos, nesta sexta-feira (25/9), pela Polícia Federal (PF) em operação conjunta com o Ministério Público de Rondônia (MPRO) que apura crimes contra a administração pública.

As investigações tiveram início em dezembro de 2019 após uma denúncia feita por um empresário que prestava serviço para as prefeituras investigadas. A suspeita é de que as administrações estivessem cobrando propina de prestadores de serviço.

Os presos são: a prefeita de São Francisco do Guaporé (RO), Gislaine Clemente; o prefeito de Rolim de Moura (RO), Luiz Ademir Schock; Marcito Aparecido Pinto, prefeito de Ji-Paraná (RO) e Glaucione Maria Neri, prefeita de Cacoal (RO). Além dos quatro, o ex-deputado investigado pe Daniel Neri, que é marido de Glaucione.

Imagens colhidas pelos investigadores da Polícia Federal comprovam que os acusados recebiam grandes quantias em dinheiro. O grupo teria movimentado mais de R$ 1,5 milhão. Por isso, a Justiça determinou o bloqueio da conta dos alvos da operação.

A operação deflagrada pelas autoridades resultou, ainda, no cumprimento de 12 mandados de busca e apreensão.

0

 

Últimas notícias