Prazo para inscrições no Revalida 2021 acaba nesta sexta-feira (11/6)

Exames validam diplomas de medicina obtidos em universidades estrangeiras. A aplicação da primeira prova será no dia 5 de setembro

atualizado 11/06/2021 8:33

Hugo Barreto/Metrópoles

As inscrições para o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) 2021 terminam nesta sexta-feira (11/6). Os interessados devem se inscrever pela internet neste link.

A aplicação da primeira prova será no dia 5 de setembro, em oito cidades brasileiras: Brasília, Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Rio Branco (AC), Salvador (BA) e São Paulo (SP). No ato de inscrição, o profissional deve indicar em qual cidade deseja fazer o exame.

Para fazer a revalidação do diploma, é preciso ser brasileiro ou estrangeiro em situação legal no Brasil e possuir diploma de graduação em medicina expedido por instituição de educação superior estrangeira, reconhecida no país de origem pelo ministério da educação ou órgão equivalente, autenticado pela autoridade consular brasileira, ou pelo processo da Convenção sobre a Eliminação da Exigência de Legalização de Documentos Públicos Estrangeiros.

O Revalida é aplicado pelo Instituto de Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) desde 2011, para subsidiar a revalidação, no Brasil, do diploma de graduação em medicina expedido no exterior.

No momento da inscrição, os médicos devem enviar o diploma para análise do Inep e, caso necessário, podem solicitar atendimento especializado e/ou tratamento pelo nome social.

Provas

O Revalida é composto por duas etapas, teórica e prática, que abordam de forma interdisciplinar as cinco grandes áreas da Medicina: clínica médica, cirurgia, ginecologia e obstetrícia, pediatria e medicina da família e comunidade (saúde coletiva).

A prova teórica é dividida em duas partes, aplicadas no mesmo dia. Pela manhã, devem ser resolvidos 100 itens objetivos. Na parte da tarde, os participantes precisam responder cinco questões discursivas.

A segunda parte é uma avaliação prática, baseada em 10 entrevistas (anamneses) para diagnóstico inicial de doenças em atores que se passam por pacientes.

O exame visa avaliar as habilidades, as competências e os conhecimentos necessários para o exercício profissional adequado aos princípios e necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS).

Confira o cronograma do Revalida 2021:

  • Aplicação das provas: 10/7 e 11/7
  • Resultado preliminar do Padrão Esperado de Procedimentos (PEP): 13/7
  • Apresentação de recurso: 13/7 a 17/7
  • Resultados do recurso: 23/7
  • Divulgação do resultado preliminar da prova de habilidades clínicas: 16/08
  • Apresentação de recurso: 17 a 21/8
  • Resultados do recurso: 13/9
  • Resultado final: 13/9
  • Indicação da universidade revalidadora: 14/9 a 19/9

Últimas notícias