*
 

A primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 será aplicada em 1.725 municípios brasileiros neste domingo (4/11). Após se dedicarem aos estudos por horas, dias, semanas e meses, os candidatos finalmente poderão usar todo o conhecimento aprendido na avaliação que pode levá-los diretamente para o ensino superior.

Mas antes de chegar ao tão aguardado local de prova, o participante deve verificar se sua cidade será afetada pelo horário brasileiro de verão. Pela primeira vez, a medida entra em vigor no mesmo dia do exame. Neste 4 de novembro, os ponteiros do relógio serão adiantados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país.

Apesar de não ter agradado a grande parte dos aspirantes a universitários, a novidade anunciada pelo Palácio do Planalto em 15 de outubro tem sido lembrada constantemente nas redes sociais do Ministério da Educação (Mec) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ambos responsáveis pela seleção, para não prejudicar os cerca de 5,5 milhões inscritos confirmados.

Na quarta-feira (31), a presidente do Inep, Maria Inês Fini, afirmou ter feito o possível para as datas não se coincidirem, mas enfatizou que os órgãos e agentes envolvidos têm se empenhado para reforçar a informação aos participantes. “Nós fizemos todo o esforço para adiar isso, mas não foi possível, por razões alheias à nossa vontade. E nós vamos, então, enfrentar o problema”, declarou ao reforçar que um “ataque de informações” oficiais por vários meios de comunicação, incluindo redes sociais, portais, SMS e e-mail, tem sido feito para os participantes ficarem atentos.

Diante da mudança, a primeira recomendação aos inscritos é manter a calma. O segredo para lidar de forma tranquila e favorável com a novidade pode estar em como o interessado vai se programar para chegar ao seu destino: o endereço do seu local de prova.

via GIPHY

 

Portanto, a dica seguinte para não virar meme na internet – e consequentemente não ser imortalizado por chegar atrasado ou perder a avaliação em GIFs, vídeos e imagens no espaço virtual – é conferir onde você responderá o primeiro caderno de prova, que apresentará 45 questões de ciências humanas e 45 de linguagens e códigos, além da temida redação. Segundo o Inep, as 10.718 localidades espalhadas por todo o país onde o exame será aplicado podem ser consultadas no site do participante desde 22 de outubro.

A segunda sugestão é conferir se seu município será afetado pelo horário de verão. Se sim, os relógios serão adiantados em uma hora no domingo. As operadoras de telefonia celular, por exemplo, costumam ajustar a hora nos aparelhos eletrônicos automaticamente. Mesmo assim, vale verificar se seu relógio sofreu alteração. Como diz o ditado: Prevenir é melhor que remediar! E nesse caso, o remédio só virá na próxima edição do Enem.

via GIPHY

 

Nas datas de aplicação do exame, os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h (horário de Brasília). Caso o candidato queira se guiar pelo horário local da sua cidade, o próximo passo é checar no site ou redes sociais do Inep o horário de abertura e fechamentos dos portões de cada localidade. Ao todo, o Brasil terá quatro fusos durante a vigência do horário de verão.
Reprodução/Inep

Reprodução/InepReprodução/InepReprodução/Inep

Ligando o GPS
Após estar ciente do horário limite para adentrar os portões e seguir rumo à sala onde será aplicada a avaliação, que tal verificar na prática com antecedência onde fica o seu local de prova e definir qual o melhor trajeto e meio de transporte para chegar até lá?

Se a localidade fica próxima da residência do participante, uma caminhada até lá um dia antes para reconhecer a localização geográfica pode ser uma boa estratégia. Além disso, com a iniciativa, é possível prever a distância e média de tempo necessários para realizar a missão.

via GIPHY

 

Caso o endereço seja mais distante, usar carro, bicicleta ou transporte público pode ser mais apropriado. Para isso, é importante conferir os seguintes quesitos: Há combustível no veículo? A bike está em condições de uso? Quais são os horários do ônibus na região? Passar no posto e abastecer o automóvel com antecedência, calibrar os pneus da magrela ou se informar sobre o itinerário do coletivo podem ser as respostas para essas perguntas.

Dicas curinga
Para garantir boa disposição no dia da prova, ter tido uma boa noite de sono na véspera e se alimentar adequadamente são ações essenciais. Diante disso, a recomendação extra feita pela endocrinologista do Laboratório Exame, Fernanda Lopes, aos candidatos é dormir mais cedo para descansar a mente e o corpo.

“É muito importante dormir pelo menos 8 horas antes da avaliação, para que o cérebro descanse e a fixação do conteúdo já estudado aconteça”, aconselha. Ela ressalta: “Por conta do horário de verão, durma uma hora mais cedo e acorde com tempo de sobra (período de sono em torno de 8-9 horas de duração) para poder se organizar para o horário da prova”.

 


Na avaliação da médica, a alimentação escolhida também faz diferença. Ingerir alimentos leves e, inclusive, levá-los no dia do Enem pode ajudar a não sentir fome durante o período de realização da prova.

“Evite alimentos de rua, que possam estar estragados. Se tiver alguma intolerância a algum alimento, mesmo discreta, evite. Procure alimentos feitos em casa, com total controle de qualidade. No dia da prova, coma alimentos frescos e no almoço prefira uma refeição balanceada, com proteínas e carboidratos, tudo na medida! Não exagere e nem deixe de comer”, destaca. “Não experimente nada novo, pois pode correr o risco de desencadear um processo alérgico”, acrescenta a especialista.

via GIPHY

 

Tempo de prova
No primeiro domingo do Enem, os participantes terão cinco horas e meia para resolver as questões do caderno de humanas – o exame começa às 13h30 e o horário previsto para o término é 19h. No segundo dia de prova – 11 de novembro – os candidatos terão, ao todo, cinco horas para solucionar 45 enigmas de matemática e responder 45 perguntas sobre ciências da natureza. Nesta data, os inscritos poderão começar a fazer a avaliação às 13h30 (horário de Brasília) e concluí-la até as 18h30.

via GIPHY

 

De acordo com o Inep, quem fizer o exame não pode deixar o local de prova durante as duas primeiras horas de aplicação. Também não será permitida a saída com o caderno de questões antes dos 30 minutos finais de prova.

Fique atento e boa sorte!