Detenta conquista o direito de se casar: “Realização de um sonho”

O casal de ex-moradores de rua se conheceu em 2003 e estão juntos desde então

atualizado 16/06/2021 12:56

Marcelo Sant’Anna/Defensoria Pública

Um cartório de Belo Horizonte realizou pela primeira vez o casamento de uma pessoa privada de liberdade.

Na última quarta-feira (9/6), Hélio Rodrigues Cardoso de Souza, de 43 anos, e Kele de Freitas Santos, de 37 se uniram em matrimônio com a ajuda da Defensoria Pública de Minas Gerais.

Leia mais em BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias