Deputado Julio Garcia, ex-secretário e outros são alvos de operação em SC

Advogado de defesa de Julio Garcia, Cesar Abreu confirmou prisão domiciliar do parlamentar

atualizado 19/01/2021 12:19

Daniel Conzi/Agência AL

O presidente da Alesc (Assembleia Legislativa de Santa Catarina), Julio Garcia, teve a prisão domiciliar decretada após a segunda fase da Operação Alcatraz, denominada Hemorragia, que foi deflagrada no início da manhã desta terça-feira (19/1).

Também estão entre os investigados um ex-secretário de Estado e empresários – dois deles seriam de Joinville. Conforme a Polícia Federal, três empresas de tecnologia de grande porte, com sede em Florianópolis, Santa Catarina, também são alvo da operação. Uma delas é a Qualirede, que atua no ramo de gestão em planos de saúde, entre eles o SC Saúde.

Leia mais em ND+, parceiro do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias