Deputado é banido do Instagram e diz que foi por “ser de direita”

Bruno Engler também afirmou que a "perseguição" aconteceu por ter defendido o kit Covid-19

atualizado 13/10/2021 14:00

Bruno Engler comunicou o ocorrido com a página em vídeoReprodução/@BrunoEnglerDM/Twitter

O deputado estadual Bruno Engler (PRTB-MG) teve a conta do Instagram deletada na terça-feira (12)/10. A informação foi divulgada pelo próprio parlamentar em vídeo postado nas redes sociais. Ele afirmou que o ocorrido é uma tentativa de calá-lo e que vai tomar as “medidas judiciais cabíveis”.

“Meu Instagram foi deletado. Deletado porque sou de direita, porque defendo o presidente Bolsonaro, porque defendo as posições conservadoras. A rede social vem de uma forma arbitrária e me tira uma ferramenta de divulgação do meu mandato que é protegido constitucionalmente”, disse em um dos trechos.

Confira mais informações no site BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias