Cidades de Mato Grosso acumulam mais de 1 mi de cartas e encomendas paradas

O serviço foi suspenso após a Justiça do Trabalho mandar suspender as atividades por causa do contágio de funcionários

atualizado 30/06/2020 14:16

Ao menos 1,2 milhão de cartas e encomendas estão paradas em Cuiabá e Várzea Grande com o fechamento de centrais de entrega domiciliar dos Correios. Os serviços dos postos foram suspensos há mais de duas semanas por determinação da Justiça do Trabalho, após a confirmação de contágio de 16 funcionários. 

Desde então, cartas e encomendas que chegaram às centrais, principalmente a de Vista Alegre e de Várzea Grande, estão estocadas e sem previsão para o início de distribuição.  

Leia a reportagem completa em O Livre, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias