Casa de policial militar é invadida, ele reage e acaba morto

Subtenente Alessandro Groetars da Silva ainda teve a arma roubada pelos criminosos

Um policial militar morreu depois de ter sua casa invadida por dois criminosos e ser baleado ao entrar em luta corporal, na madrugada desta sexta-feira (29/11/2019), em Paracambi, na região metropolitana do Rio de Janeiro. As informações são do jornal O Dia.

De acordo com a esposa do subtenente Alessandro Groetars da Silva, 47 anos, por volta de 2h, os bandidos entraram na residência, no bairro Lajes, perguntaram por dinheiro e afirmaram que se ele fosse policial iria ser morto.

Os suspeitos encontraram a arma do policial, dando início a uma luta corporal que acabou terminando na morte dele. Alessandro chegou a ser socorrido e levado os hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Os criminosos fugiram do local com a arma do subtenente, uma Taurus calibre 380. Eles e ainda não foram localizados.