Categorias: Brasil

Carta falsa do PCC sobre diálogo “cabuloso” é usada para atacar o PT

Compartilhe

Uma carta apócrifa atribuída a Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, líder do Primeiro Comando da Capital (PCC) foi publicada nas redes sociais para atacar o Partido dos Trabalhadores (PT). A mensagem é uma “nota de repúdio” à divulgação de áudio interceptado em que um membro da facção dizia ter um “diálogo cabuloso” com o partido.

O Estadão Verifica consultou a veracidade da mensagem com o promotor de Justiça Lincoln Gakiya, que investiga o PCC desde 2005 e é considerado um dos principais especialistas no combate ao grupo criminoso. Gakiya foi o responsável pelo pedido de remoção de Marcola para um presídio federal, no fim do ano passado.

A reportagem também entrevistou a socióloga Camila Nunes Dias, professora da Universidade Federal do ABC e autora do livro “A Guerra: a ascensão do PCC e o mundo do crime no Brasil”.

Segundo Gakiya, a carta “tem todo indicativo de ser falsa”. “Não tem nenhum setor específico que faria esse tipo de coisa no PCC, temos várias investigações em andamento e a gente não apurou nada que pudesse concluir que eles mandassem fazer essa resposta”, afirmou.

O promotor explica que esse tipo de mensagem, se fosse real, possivelmente apareceria em comunicação entre presos, o que não foi detectado pelos investigadores. “É muito pouco provável que isso possa circular na mídia e em redes sociais e não nos meios dos criminosos.”

A carta apócrifa cita ainda o “Estatuto do PCC”, o “conjunto de regras” da organização criminosa. O texto afirma que a facção “rouba dos ricos”, mas não busca ferir “o trabalhador que pega ônibus e trens lotados”. No ano passado, o PCC foi o responsável por ordenar a queima de ônibus em Minas Gerais e no Rio Grande do Norte.

Estadão Conteúdo

Últimas notícias

Cotada por Aras, procuradora teria escrito pedido de impeachment de Gilmar

Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato, aprovou a parceria dizendo que a ideia era "sensacional"

24 minutos passados

Dez startups de Brasília concorrem a prêmio nacional de inovação

Amcham Arena turbina startups em todo o país e chega às finais regionais para encontrar 150 soluções inovadoras no mercado…

39 minutos passados

Avião cai em Manaus com funcionários do governo do Amazonas

O avião transportava 10 pessoas - entre passageiros e tripulação - para Maués, município a 253 km da capital. Todas…

50 minutos passados

Após criticar Bolsonaro, Witzel perde apoio do PSL no RJ

Maior bancada da Assembleia Legislativa, partido do presidente da República desembarca da base do governador, que cobiça cargo do presidente

53 minutos passados

Danilo Avelar e Manoel treinam e devem reforçar Corinthians

Jogadores foram desfalques na derrota para o Fluminense, em Brasília, pelo Brasileirão

53 minutos passados

Férias “indeterminadas” duram um mês e BTS retorna às atividades

O grupo descansou por 34 dias. Segundo comunicado, eles vão ao exterior para cumprir compromisso

1 hora passados