Autor de ataque a creche em SC vira réu após Justiça aceitar denúncia

Ação julgará os assassinatos de três crianças com menos de 2 anos e de duas funcionárias de uma escola municipal de Saudades

atualizado 24/05/2021 21:34

Ambulância e carro da políciaSimone Fernandes/Arquivo pessoal

O autor do ataque à creche Aquarela, em Saudades, no Oeste de Santa Catarina, se tornou réu na ação que julgará os assassinatos de três crianças com menos de 2 anos e de duas funcionárias do educandário municipal que foi palco de um verdadeiro massacre na manhã de 4 de maio.

A denúncia contra o jovem de 18 anos, preso em flagrante pelos crimes, foi aceita nesta segunda-feira (24/5) pelo juiz da Vara Única de Pinhalzinho, Caio Lemgruber Taborda, que também determinou segredo de Justiça ao processo criminal.

Morador de Saudades, o jovem foi denunciado pelo Ministério Público (MPSC) na última sexta-feira (21/5) por cinco homicídios triplamente qualificados, além de 14 tentativas de homicídio.

Leia a matéria na íntegra no portal NSC Total, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias