Após erro da Saúde na quantidade de vacinas, AM recebe 76 mil doses

Imunizantes da AstraZeneca chegaram ao estado nesta madrugada (25/2). Por engano, Ministério da Saúde havia enviado as unidades ao Amapá

atualizado 25/02/2021 11:56

Diego Peres/Comunicação do Governo do Amazonas

Após o Ministério da Saúde trocar a quantidade de vacinas contra a Covid-19 que seriam enviadas ao Amapá e ao Amazonas, o estado amazonense recebeu as doses corretas na madrugada desta quinta-feira (25/2).

Segundo o governo do estado, a chegada do lote de 76 mil doses da AstraZeneca/Oxford foi acompanhada pelo governador Wilson Lima (PSC), no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

O estado do Amazonas havia recebido 2 mil doses na manhã de quarta-feira (24/2), e com isso, dispõe de 78 mil unidades. Os imunizantes serão destinados para pessoas entre 60 e 69 anos de idade.

De acordo com o governador Wilson Lima, as doses seriam distribuídas para Manaus e municípios do interior hoje de manhã.

Mais doses

Além das doses da AstraZeneca, o Amazonas deve receber, ainda nesta semana,  mais 42 mil imunizantes da CoronaVac, do Instituto Butantan, totalizando 120 mil doses.

Segundo o  Plano Operacional da Campanha de Vacinação contra Covid-19 no Amazonas, com base nas orientações do MS, nesta primeira fase da vacinação, está prevista a imunização de povos indígenas vivendo em terras indígenas, trabalhadores de saúde, pessoas de 80 anos ou mais, pessoas de 75 a 79 anos, pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas, e pessoas institucionalizadas com deficiência.

0

Até a quarta-feira (24), 259,4 mil doses de vacinas contra a Covid-19 haviam sido aplicadas no Amazonas, sendo 225,6 mil de primeira dose e 33,7 mil de segunda dose.

Os dados parciais são do Programa Nacional de Imunização, da FVS-AM (PNI/FVS-AM). O estado é um dos que mais sofrem com óbitos e casos de Covid-19. As mortes registradas em 2021 na região já superam o total de 2020. 

Ministério da Saúde admitiu erro

Após declarar publicamente, na quarta-feira (24/2), o recebimento das doses do imunizante contra a Covid-19, o Amapá confirmou que a quantidade de vacinas estava equivocada. A proposta inicial era que o governo do estado recebesse 2,8 mil doses.

No entanto, foram recebidas, ao todo, 78 mil unidades da Astrazeneca, montante que deveria ter sido entregue, também nesta quarta, ao Amazonas. Em contrapartida, o estado amazonense recebeu apenas as doses que seriam destinadas ao estado vizinho.

O Ministério da Saúde reconheceu o erro na noite de quarta, e declarou que os estados receberiam as quantidades corretas de doses.

“O estado do Amazonas receberá as 76 mil doses adicionais que haviam sido entregues ao Amapá, totalizando 78 mil vacinas. O Amapá, por sua vez, ficará com as 2 mil correspondentes ao seu público-alvo para esta etapa de entregas da campanha”, informou a pasta, em nota.

Últimas notícias