Blog com notícias, comentários, charges e enquetes sobre o que acontece na política brasileira. Por Ricardo Noblat e equipe

18 anos Blog do Noblat

Vai correr sangue na guerra eleitoral entre Renan e Lira em Alagoas

O histórico do estado é de batalhas violentas pelo voto

atualizado 05/08/2022 9:49

Renan Calheiros Hugo Barreto/Metrópoles

Um é apoiador incondicional de Lula para presidente – Renan Calheiros (MDB). O outro, de Bolsonaro – Arthur Lira (PP).

Renan tem mais quatro anos como senador. Lira precisa se reeleger deputado federal, o que conseguirá sem maiores dificuldades.

Renan será candidato à presidência do Senado se Lula se eleger. Lira, a mais um mandato como presidente da Câmara.

Os dois, que no passado foram aliados, hoje são inimigos. O filho de Renan governou o Estado por 8 anos e é candidato ao Senado.

Lira apoia a candidatura do senador Rodrigo Cunha (União Brasil ao governo. Renan, a de Paulo Dantas (MDB), atual governador.

Até ontem, o ex-governador Ronaldo Lessa (PDT), vice-prefeito de Maceió, fazia parte do grupo de Lira. Trocou de lado.

Concordou em ser o candidato a vice-governador na chapa de Dantas. Golpe duro aplicado por Renan em Lira. Mas teve mais.

A convenção do MDB marcada para hoje deve homologar a candidatura a deputada estadual de Jullyene Lins, que vem a ser…

Jullyene é a ex-mulher de Lira que já o acusou de tê-la agredido fisicamente e ameaçado. Os dois brigam na Justiça há anos.

Em nota, Renan diz que Jullyene é “exemplo de persistência e resiliência para muitas mulheres” e que já foi punida sem culpa.

Lira, em entrevista à VEJA em 2019, chamou a ex-mulher de “vigarista profissional” que tenta extorquir dinheiro dele.

A Jullyenne, Renan garantiu um espaço privilegiado no horário de propaganda eleitoral do MDB no rádio e na televisão.

Últimas do Blog