Como manter os joelhos jovens, hidratados e saudáveis

Existem procedimentos, tratamentos e também produtos específicos para a região

Nos consultórios dermatológicos uma coisa é certa: a preocupação maior é voltada para o rejuvenescimento da face e do pescoço. Mas cada vez mais, a procura por opções de tratamento para áreas geralmente esquecidas — e conhecidas por “denunciar” a idade como as mãos e os joelhos — têm sido buscadas pelo público.

Por dentro, os joelhos representam a maior articulação e uma das mais importantes do nosso organismo, sendo as atividades físicas moderadas o maior segredo para que eles continuem funcionando. Por fora, as maiores queixas relacionadas a região do joelho são o escurecimento, ressecamento e o acumulo de gordura localizada, sendo que, para cada uma desses problemas existe um tratamento mais indicado.

1. Procedimentos no consultório
Segundo a dermatologista Juliane Requena da clínica do Dr. Nuno Osório de São Paulo, com o passar dos anos os joelhos passam a acumular gordura localizada, além disso, a flacidez da coxa e o excesso de pele formam aquela dobrinha incômoda logo acima do joelho. Para isso, podem ser associados tratamentos como o ultrassom microfocado, radiofrequências (com microagulhamentos) e também preenchedores e substâncias estimuladoras de colágeno.

O ultrassom microfocado estimula a produção de colágeno e o rejuvenescimento da pele sem agredi-la. O microagulhamento com radiofrequência também estimula a produção de colágeno e melhora a flacidez. As pequenas agulhinhas entram na pele e a energia lançada dentro desses furinhos estimula a produção de um colágeno novo na derme.

Juliane Requena

A profissional ressalta que, para a eficácia do tratamento, o paciente deve manter uma rotina saudável de alimentação e exercícios físicos, justamente porque isso evita o ganho de peso e acumulo de gordura nessa região.

2. Cuidados em casa
Agora se o que você deseja é diminuir aquela aparência ressecada do joelho, o mais indicado é manter uma rotina diária de hidratação. Como afirma Juliane, a região tende a ficar com uma aparência mais seca, espessa e, muitas vezes até escurecida, pois não possuem glândulas sebáceas produtoras de óleos naturais que ajudam a manter a pele hidratada.

Os melhores cremes hidratantes para os joelhos são os que contem uréia, devido à sua ação queratolítica – isto é, eles removem a camada mais endurecida da pele, trazendo uma aparência saudável. Ainda pensando na hidratação dessa região podemos contar com injeções de ácido hialurônico, realizadas em consultórios, que promovem uma hidratação profunda e duradoura.

Juliane Requena

E atenção! De acordo com Juliane, uma dica prática para evitar o escurecimento dos joelhos  é não se esquecer de passar protetor solar nos joelhos ao se expor ao sol e evitar traumas nessa região.