*

Uma mulher morreu no Reino Unido dias depois de arranhar as costas da mão enquanto ajeitava o jardim da sua casa.

Segundo o tabloide Daily Mail, Lucinda Smith, de 43 anos, que é mãe de duas crianças, começou a sentir dores nos ombros alguns dias depois do machucado e decidiu fazer uma visita ao médico, mas voltou para casa com um relaxante muscular e um remédio para aliviar a dor, além de uma recomendação para que ela procurasse um fisioterapeuta.

Reprodução/ Facebook

Só que, como as dores continuaram a piorar dias depois dessa primeira consulta, ela voltou à emergência. Dessa vez, um simples exame de sangue foi suficiente para detectar que a mulher tinha um quadro de sepse – infecção generalizada.

Ela foi submetida imediatamente a um tratamento com antibióticos intravenosos, mas morreu dois dias depois. “Se ela tivesse feito logo esse exame de sangue e recebido o tratamento de imediado eu tenho certeza que o resultado seria outro. Megan e George ainda teriam sua mãe maravilhosa”, disse a irmã de Lucina ao jornal britânico.

A sepse é uma espécie de “falência” do organismo e tem como gatilho qualquer tipo de infecção no corpo, como um corte ou uma gripe, por exemplo.



COMENTE

 
InfecçãoSaúde