*

A fotógrafa Maureen Drennan cresceu em uma cidade silenciosa, pequena e bonita no deserto de Rhode Island. Em uma entrevista ao Huffing Post, ela conta que se sentia solitária quando criança. Cresceu, mudou-se e retornou à cidade natal depois de adulta, já como fotógrafa. Além de ter uma nova visão de mundo, na época, ela também enfrentava outro problema de solidão, mas não a dela.

O marido de Maureen, Paul, sofria de depressão profunda. O desafio dela era compreender a mente do companheiro e encontrar uma forma de ajudá-lo. A resposta estava na fotografia. “A intimidade de clicarmos fotos juntos em uma época tão complicada foi renovador para nós”, conta.

Quando as palavras falhavam, as fotos falavam por nós."

O resultado foi um delicado ensaio fotográfico, em formato de crônica chamado “The Sea That Surrounds Us”, algo como “O mar ao nosso redor” em tradução livre. Confira em nossa galeria.



COMENTE