*

Um dos filmes mais famosos de Marilyn Monroe se chama “The Seven Year Itch”. No Brasil, o longa ganhou a tradução de “O Pecado Mora ao Lado”, apesar do título, em tradução livre, ser “A coceira do sétimo ano”. O nome se refere ao fato de o personagem de Tom Ewell querer ter um caso com a musa do cinema e se tornar infiel após sete anos de casamento.

Embora o filme seja da década de 1950, só agora o site de relacionamentos extraconjugais Secondlove acabou confirmando que o fato é real e vai muito além de um simples enredo de filme – pelo menos no Brasil.

A pesquisa indicou que brasileiros aparecem em segundo lugar no ranking mundial dos que mais traem ficando apenas atrás da Holanda. Além disso, os homens casados há mais de sete anos com idade entre 30 e 49 anos, que possuem filhos e completaram o ensino superior, são os mais infiéis.

O Secondlove também confirmou a fé popular de que mulheres traem menos do que homens. Embora o país seja o terceiro com mais mulheres infiéis, dos mais de 1 milhão de usuários do site no Brasil, 30% são do sexo feminino.

Dentre as regiões brasileiras que mais traem, o destaque fica por conta do Sudeste (sendo São Paulo o estado com o maior número de casos).  O Rio de Janeiro aparece em segundo, com 15,2%, Minas em terceiro lugar, com 10,3% e estados do Sul e Centro Oeste com 5,7% e 3,8%, respectivamente.



COMENTE

 
traiçãorelacionamento