*

No ano de 2015, a taxa de empreendedorismo no Brasil foi de 39,3% – o maior índice dos últimos 14 anos. É quase o dobro do registrado em 2002 (20,9%). Nesse universo, há 8 milhões de mulheres com empresas ou microempresas registradas com Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica. Visando aumentar ainda mais o público feminino empoderado no empreendedorismo, Brasília recebe pela primeira vez o evento “Startup Weekend Women”.

Já conhecido por suas feiras de inovação e capacitação, o “Startup Weekend” ganha um significado novo quando se volta ao público feminino com interesse em empreendedorismo.

“Na edição Women, o propósito é incentivar o envolvimento feminino no empreendedorismo e fomentar a criação de empresas protagonizadas por mulheres. Afinal, no Brasil, segundo dados da ONU: a taxa de desemprego das mulheres é cerca de duas vezes a dos homens, apenas um quarto das mulheres empregadas está no setor formal, o salário médio para os homens é 30% maior do que o de mulheres, um terço das famílias brasileiras é chefiada por mulheres e metade delas é monoparental e de cada 10 empresas em atividade, apenas três são comandadas por mulheres.”

Divulgação

Apesar de ser voltado para mulher, a página oficial do evento esclarece que homens também são bem vindos para participar. São formadas equipes em torno das ideias mais votadas e, a partir daí, se inicia uma dedicação que totaliza 54 horas de criação de modelos de negócios, programação, design e validação de mercado. O fim de semana termina com a apresentação dos projetos a empreendedores de sucesso em uma nova oportunidade para receber feedback.

“Startup Weekend Women” acontece entre os dias 28 a 30 de outubro. As inscrições ainda estão no segundo lote e o investimento é de R$ 150 para participar de um fim de semana de atividades. Acesse a página para mais informações.



COMENTE

 
empreendedorismomulheresfeminismoempoderamento