*
 

As lentes de contato entram em cena para substituir os óculos na hora de corrigir a visão e são também uma opção para alterar a cor dos olhos. A procura brasileira é tanta que, apenas no ano de 2016, foram vendidas 34 milhões de lentes de contato no país, de acordo com dados da Associação Brasileira das Indústrias Ópticas (Abióptica).

Mas antes de se animar e “se jogar” nas lentes de contato, saiba que usá-las requer vários cuidados e muita atenção. Por isso, o Metrópoles esclareceu algumas dúvidas recorrentes sobre o acessório com o oftalmologista Luiz Felipe Diniz, do Hospital Brasileiro de Olhos.

1. Quem pode usar lentes de contato?
Podem ser usadas para corrigir os seguintes problemas de visão: miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia, desde que o oftalmologista não contraindique o uso. Situações como conjuntivites crônicas e olho seco podem dificultar o uso e devem ser avaliadas e controladas.

Alguns casos em que se aconselha não usar lentes são: nos de alterações bruscas hormonais que ocorrem na gravidez, pessoas com poucos cuidados de higiene e, ainda, certas profissões com manipulação de químicos, óleos, gases etc.

2. A partir de qual idade as lentes de contato podem ser usadas?
A decisão da idade mínima é individual. É necessário que a criança tenha maturidade para colocar e remover as lentes, além de ser responsável com os cuidados de higiene. Isso ocorre, geralmente, por volta dos 10 ou 12 anos.

3. Existe alguma idade na qual não se pode mais utilizar as lentes de contato?
Não existe.

4. Quais os principais cuidados ao colocar as lentes nos olhos?
Lavar as mãos com sabonete neutro e enxaguar bem, não amassar as lentes sobre a superfície e nunca usar as unhas, pinças ou ferramentas impróprias.

5. Quais os cuidados mais importantes para conservá-las?
Armazenar em estojos limpos e utilizar somente soluções para limpeza de lentes registradas na Anvisa. Enquanto não estiverem sendo usadas, deixar as lentes completamente imersas em produto apropriado.

istock

6. Quais as diferenças entre lentes rígidas, híbridas e gelatinosas?
Lentes rígidas são mais duras, permitem uma boa oxigenação da córnea e, por serem menores que as gelatinosas, não cobrem o umbo da córnea, sendo as ideais para casos de ceratocone. Lentes gelatinosas são as mais confortáveis e podem ser feitas de dois materiais: hidrofílica e silicone hidrogel. As híbridas possuem características das duas anteriores.

7. O uso indevido pode causar cegueira?
Eventualmente, sim. Isso pode ocorrer se as úlceras de córnea não forem tratadas.

8. O que causa desconforto ao usar lentes? Como isso pode ser resolvido?
Existem diversas causas para o desconforto e uma delas é a adaptação indevida, que pode ser corrigida avaliando e testando lentes diferentes. Outra causa comum é a higiene inadequada do acessório.

9.  Elas devem ser colocadas antes ou depois da maquiagem?
Devem ser colocadas antes da maquiagem. E as mãos devem estar bem limpas para o manuseio. É importante evitar contato da maquiagem direto com os olhos.

10. Quais os perigos de dormir com as lentes?
Primeiro, aumenta o risco de infecções nos olhos. A córnea é oxigenada por meio do contato com o ar. Com o uso de lentes, parte do tecido perde esse contato e recebe menos oxigênio. Também pode levar ao crescimento de vasos e aumentar o risco de úlcera na córnea.

 

 

COMENTE

Saúdelentes de contato
comunicar erro à redação