*
 

Depois de Ceilândia, a redução da pressão nas redes de água no período diurno, no horário de 7h às 19h, chega a Vicente Pires. O objetivo da medida adotada pela Caesb é diminuir o consumo de água e ajudar na superação da crise hídrica. A diminuição da pressão será feita nas cidades abastecidas pela Barragem do Descoberto, que se encontra com nível baixo.

Com a medida, os brasilienses de 15 regiões poderão enfrentar problemas de abastecimento, já que se trata de um racionamento gradual.

A meta é conseguir uma redução entre 5% e 10% no consumo da região, que, somada à tarifa de contingência já em vigor e com a chegada do período chuvoso, possa permitir um processo mais consistente de recuperação dos reservatórios.

A adoção do plano começou nesta semana passada pela cidade de Ceilândia. A diminuição de pressão nessas cidades deverá durar até que a Caesb considere o nível do reservatório do Descoberto em condição de oferecer segurança para o abastecimento.

O plano de redução de pressão seguirá o seguinte calendário de implantação:
23/11 – Ceilândia
28/11 – Vicente Pires, Colônia Agrícola Samambaia
02/12 – Samambaia
07/12 – Riacho Fundo II, Recanto das Emas, Gama, Santa Maria
12/12 – Águas Claras, Arniqueiras, Taguatinga, Riacho Fundo I
14/12 – Park Way, Candangolândia, Núcleo Bandeirante

 

 

COMENTE

racionamentoCaesbpressão da água
comunicar erro à redação