*
 

O Parque da Cidade Dona Sara Kubitschek passou a contar com uma estação de ginástica ao ar livre gratuita e adaptada para pessoas com deficiência. O equipamento, inaugurado na manhã deste sábado (15/7), fica próximo ao Estacionamento 13 e ao Quiosque do Atleta.

Frequentador do parque e morador de Águas Claras, o estudante Mateus Moreira, de 16 anos, aprovou a ideia. “Isso ajuda no nosso condicionamento físico e no bem-estar”, disse o jovem skatista, que também pratica halterofilismo, tênis em cadeira de rodas e natação.

Para inauguração, ele convidou a amiga, também cadeirante, Geovana Luiza de Sousa França, de 17 anos (ambos estão na foto em destaque). Observados por familiares, os dois testaram os equipamentos logo após a inauguração. “Somos, sim, pessoas normais, e todos somos iguais. Isso é legal para mostrar que nós temos nosso lugar e que merecemos respeito e sermos tratados da mesma forma”, ressaltou Geovana, que é moradora do Riacho Fundo I.

A iniciativa faz parte de uma parceria entre o GDF, a empresa Mobiliários Urbanos Desportivos (Mude) e o Banco Santander, sem ônus para o poder público e com manutenção incluída.

Para o Distrito Federal, estão previstos 37 equipamentos semelhantes para ginástica e alongamento, distribuídos por diversas regiões administrativas. Desses, seis são adaptados para pessoas com deficiência, sendo o primeiro no Parque da Cidade. De acordo com a Mude, do total, 30 já foram instalados.

Área revitalizada contará com aulas gratuitas de treinamento funcional
Por meio da parceria que resultou na entrega de hoje, também próximo ao Quiosque do Atleta foi criado um espaço destinado à prática esportiva. O local recebeu piso emborrachado e calçamento com acessibilidade, e teve os conjuntos de mesas e bancos revitalizados. Um aulão de crossfit deu início às atividades da nova área.

Segundo o sócio fundador da Mude, Marcus Moraes, esse espaço receberá, a partir da próxima segunda-feira (17), aulas gratuitas de treinamento funcional. “Além de poder se exercitar sozinho, a pessoa vai poder ter um local com contato com profissional de educação física, que pode orientá-la”, explicou.

As aulas são inclusivas e ministradas por profissionais especializados. Os interessados podem consultar os dias e os horários pela internet e ir ao local ou, então, fazer a reserva pelo aplicativo que a Mude disponibiliza em celulares. Brasília é a segunda região do país a receber a iniciativa, que já ocorre no Rio de Janeiro e será expandida para outras três capitais.

 

 

COMENTE

Parque da Cidade
comunicar erro à redação