*
 

Um mexicano foi condenado a 100 anos de prisão após ser flagrado em um hotel atirando sua enteada de três anos em uma piscina, repetidamente, até a morte. O caso aconteceu na cidade de Morelia, no México.

As imagens, registradas pelo circuito interno de câmeras do hotel, foram divulgadas após a defesa do padrasto, identificado como Jose David N., alegar que ele não estava envolvido com a morte da menina. O juiz responsável pelo caso decretou a condenação e contou que a criança foi puxada pelos cabelos e segurada embaixo d’água. A defesa do assassino ainda levantou a hipótese de que a menina tinha morrido fora da piscina.

No vídeo, é possível ver a menina, que não sabia nadar, lutando para se manter respirando enquanto o padrasto via a menina se afogar. A mãe da criança estava dormindo no quarto do hotel no momento do crime.

Veja o vídeo aqui. AS IMAGENS SÃO FORTES!

 

 


 

COMENTE

Méxicoassassinato
comunicar erro à redação