*
 

Uma jovem foi vítima de um estupro coletivo em um asilo na cidade de Visby, Suécia. Segundo a polícia, ela estava em um táxi e pediu para que o motorista parasse em algum lugar para que usasse o banheiro. Ao chegar na porta do local, desceu do carro em uma cadeira de rodas, porque tem um problema nos pés, e um homem a deixou entrar.

Ao entrar no banheiro, seis homens vieram atrás e a estupraram. A jovem tentou se livrar deles, mas não conseguiu. “Ela ficou paralisada com a situação e não estava em condições de lutar contra os agressores, a não ser dizer ‘não'”, contou o advogado dela ao jornal Daily Mail.

Os suspeitos, que têm cerca de 20 anos, foram presos. No entanto, como não há provas que eles realmente cometeram o estupro, e a mulher não os reconheceu, foram liberados em seguida. A polícia disse que a cidade sempre foi muito tranquila e que esse ato foi sem precedentes. As investigações continuam.

 

 

COMENTE

estupro
comunicar erro à redação