*
 

A jovem Taylor, moradora dos Estados Unidos, sofre com um problema que veio da adolescência: apenas um dos seios dela se desenvolveu por completo. Essa doença é chamada de amastia e ocorre em menos de 1% das mulheres. Cansada do sofrimento que a doença causou, como ter sido largada pelo namorado, além de ter vergonha de sair de casa, a mulher resolveu pedir ajuda.

E!/Reprodução

Em um programa de televisão dos Estados Unidos, Taylor abriu o jogo e recorreu aos apresentadores, que são médicos, para se livrar desse problema. “Na aula de educação física, eu queria me esconder no vestiário. O ensino médio foi difícil, esconder meus seios foi complicado”, contou a jovem.

E!/Reprodução

“Ao menos, havia maneiras de me esconder. Em um maiô, é possível esconder tudo”, disse. No programa, os médicos perguntaram o tamanho dos seios que ela queria ter. Taylor disse que queria “G”. Após algumas avaliações, ela passou por uma cirurgia que correu tudo bem. “Meus seios ficaram fantásticos”, disse a garota. Seis semanas depois, ela já exibia o resultado na praia com os amigos.

 


 

COMENTE

plástica
comunicar erro à redação