*
 

A candidata do Partido Democrata para a presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, retomou a campanha, nesta quinta-feira (15/9) após sofrer ferimentos auto-infligidos, que resultaram em uma interrupção dos trabalhos durante a semana.

Ao discursar na Universidade de Greensboro, no Estado da Carolina do Norte, Hillary disse que três dias fora da estrada – enquanto ela se recuperava de um pneumonia – deram-na a chance de refletir sobre do que se tratava a campanha. Ela disse que, para ela, “trata-se de lutar por crianças e famílias”.

“A campanha não nos encoraja a refletir, e é importante sentar com seus pensamentos de vez em quando. Isso ajuda a reconectar o que significa toda essa campanha”, disse.

“Defender as crianças tem sido o trabalho da minha vida”, disse Hillary, que citou seus esforços como primeira-dama de Arkansas, dos EUA e do Senado.

“Essa é minha proposta pra vocês: eu vou encerrar minha campanha da forma em que comecei minha careira e da forma em que servirei como sua presidente”, disse. “Vou focar nas crianças”, completou a candidata também afirmou que a partir de agora vai falar sobre suas ideias para o país.

 

 

COMENTE

hillary clintonEUAPresidencia EUA
comunicar erro à redação