*
 

Greta Friedman, protagonista de uma das imagens mais icônicas do século XX, morreu aos 92 anos na última quinta-feira (8/9). O anúncio foi feito por seu filho, Joshua Friedman.

Greta ficou conhecida mundialmente como a “enfermeira” (ela era, na verdade, uma assistente de dentista) que é beijada por um marinheiro na Times Square, em Nova York, na célebre fotografia que simboliza o fim da Segunda Guerra Mundial.

O filho afirmou que a mãe passou os dois últimos anos de vida com complicações de saúde e que será enterrada com seu falecido marido, Mischa Elliot Friedman, que por sinal, não é o homem da foto. Na imagem clicada pelo fotógrafo da revista LIFE, Alfted Eisenstaedt, Greta é beijada por George Mendonsa, no momento em que os americanos celebraram a rendição do Japão, em plena Times Square.

Depois de alguns anos, todo o romantismo da foto foi contestado pelos protagonistas. Mendonsa, que estava levemente alcoolizado e acompanhado de outra mulher, disse que “o beijo não durou muito”. Já Greta afirmou que tudo aconteceu de forma muito rápida. “Eu não o vi se aproximando, e antes que eu pudesse perceber estava sendo apertada”, disse Friedman à CBS News em 2012.

 

Alfted Eisenstaedt  


 

COMENTE

comunicar erro à redação