*
 

Uma empresa britânica investe em uma maneira inusitada de eternizar memórias sobre pessoas que morreram. A companhia registra em discos de vinil conversas de família do falecido e imprime a foto dele no “bolachão”. Mas o objeto não se resume apenas a um acervo de lembranças. No disco, há também as cinzas da pessoa. Já o encarte estampa uma breve biografia.

“É o registro familiar perfeito, pode ser transmitido por gerações”, ressalta Jason Leach, 46 anos, fundador da And Vinyly, produtora desses discos, à rede britânica BBC. A empresa integra um setor em ascensão na chamada “indústria da morte”.

As cinzas não precisam mais ser armazenadas em urnas, espalhadas ao vento ou lançadas ao mar. Agora, é possível vestir ou exibir uma pequena parte do que resta de seu ente querido.

John Hobson, um escultor de 69 anos, demandou 15 vinis para parentes e amigos, em homenagem a sua falecida mãe, Madge Hobson. E disse que a mulher aprovaria o gesto. “Tive de medir a quantidade de cinzas (que tinham sido mantidas em uma urna) e colocar o equivalente a uma colher de chá em diversos sacos plásticos pequenos, um para cada vinil”, contou.

A ideia de transformar cinzas em discos passou pela cabeça de Leach há dez anos, sem pretensão comercial. Ele contou que, naquele momento, refletia sobre a morte. A questão ganhou força quando sua mãe começou a trabalhar em uma funerária.

Produção
O processo de fabricação se assemelha ao utilizado para fazer um disco de vinil convencional. Entretanto, as cinzas — humanas ou de animais de estimação — são acrescentadas em fase específica do procedimento. Nessa parte, o principal desafio do fabricante é equilibrar a quantidade do pó para ficar visível sem prejudicar a rotação.

“Haverá, naturalmente, alguns estalos e crepitações extras provocados pela inclusão das cinzas. Mas gostamos disso, já que é você”, explicou.

Os preços variam conforme os pedidos. Para adquirir um pacote básico, é preciso desembolsar de 900 libras (R$ 3,6 mil) a 3 mil libras (R$ 12,2 mil). Os clientes podem escolher discos de sete ou 12 polegadas, música composta especialmente para a ocasião, retrato pintado no disco e vinil colorido.

 

 

COMENTE

Reino Unidovinilcinzas
comunicar erro à redação