*
 

Uma deputada do Texas, Estados Unidos, encontrou uma maneira peculiar de lutar contra a legislação que restringe o acesso de todas as mulheres aos serviços de aborto do país. Jessica Farrar propôs uma lei que pretende multar todos os homens que se masturbam em US$ 100. A parlamentar diz que o “desperdício de semên faz com que muitas gravidezes não ocorram”.

Além disso, pela proposta, todo homem que queira fazer vasectomia ou receber uma receita de Viagra deve passar anteriormente por um exame de toque retal digital. A democrata disse, segundo o Houston Chronicle, que isso vai mostrar como é difícil o acesso das mulheres ao aborto.

No Brasil, o deputado Marcelo Aguiar (DEM-SP) apresentou, em janeiro, uma proposta parecida. No projeto de lei, ele pretende inibir que os jovens acessem qualquer site relacionado a sexo na internet. O assunto ainda não entrou em pauta.

 

 

COMENTE

masturbação
comunicar erro à redação