*
 

O Tribunal Real de Jersey ouviu o advogado árabe Essam al-Tammi, 55 anos, que deu à sua esposa, Rouzin al-Charmaa, 35, uma casa avaliada em £ 7,8 milhões de libras como uma recompensa por ela ter ficado ao lado dele após uma traição. Depois do divórcio, Tammi tentou reaver o bem.

De acordo com o jornal The Times, o advogado de al-Charmaa alegou que ela estava grávida quando descobriu a traição. A esposa disse ainda que seu marido também trancou cerca de £ 1 milhão de libras de jóias pertencentes a ela em um cofre nos Emirados Árabes Unidos.

Diante dos fatos, o oficial de justiça de Jersey, decidiu a favor de al-Charmaa, que poderá ficar com a casa.

 

 

COMENTE

advogadoárabelibras
comunicar erro à redação