*
 

Os paratletas brasileiros Mônica Santos, Vanderson Luis Chaves e Jovane Guissone não conseguiram avançar na luta de florete da esgrima sobre cadeira de rodas e são eliminados ainda na primeira fase. Apesar do resultado, Mônica comemorou o carinho e o apoio da torcida.

“Foi emocionante entrar e ver aquela galera toda torcendo para gente, o coração batento mais forte ao ver a filha e o marido lá na arquibancada. E vamos buscar alguma coisa de resultados para equipe”, disse.

Nesta quinta-feira (15/9), haverá a disputa por equipes de espada masculina e feminina. As mulheres têm a primeira luta contra paratletas de Hong Kong às 8h30 e os homens enfrentam a Polônia às 11h30.

 

 

COMENTE

Rio 2016esgrimaparalimpíada
comunicar erro à redação