*
 

O primeiro adversário da Chapecoense após a tragédia aérea na Colômbia será o mesmo do seu último compromisso antes do acidente. Nesta quinta-feira (5/1), o clube catarinense confirmou que vai enfrentar o Palmeiras em um amistoso no dia 21 de janeiro, às 16h30, na Arena Condá.

No fim de semana anterior ao desastre aéreo, a Chapecoense foi a rival do Palmeiras na partida em que o time paulista assegurou o título do Campeonato Brasileiro com uma vitória por 1 a 0, no Allianz Parque, com o gol marcado pelo lateral-direito Fabiano. Agora, no dia 21, os times voltarão a se encontrar, mas em um contexto bastante diferente.

No fim de dezembro, a Chapecoense havia revelado que as negociações para a realização do amistoso estavam bastante adiantadas, o que acabou se confirmando nesta quinta, quando foi anunciada a realização do confronto, sendo que o Palmeiras vai bancar com os custos da realização da partida na Arena Condá. Além disso, toda arrecadação com os ingressos ficará com o time da casa.

O ex-presidente Paulo Nobre tinha ótima relação com a diretoria da Chapecoense, especialmente com o presidente Sandro Pallaoro, uma das vítimas fatais do trágico acidente com o avião da empresa boliviana LaMia. O clube disputaria a decisão da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional – a Conmebol definiu que o título da competição ficou com a equipe brasileira.

O Palmeiras já foi elogiado pela diretoria do clube catarinense por ter colocado à disposição da equipe de Chapecó uma lista de jogadores de seu elenco para serem escolhidos pela nova direção de futebol. Agora o time paulista será o primeiro rival da Chapecoense nessa fase de reconstrução.

 

 

COMENTE

ChapecoensePalmeirasAmistoso
comunicar erro à redação