*
 

Nesta sexta-feira (6/1), a partir das 16h, na TV Brasil, o “Sem Censura” recomeça sem a apresentadora Leda Nagle. A edição vai comemorar os 31 anos do programa no ar e contará com todas as ex-apresentadoras. Com exceção de Nagle, a homenageada da atração.

Apesar de não estar no time de ex-apresentadoras convidadas, o programa, curiosamente, será uma homenagem a Leda Nagle. “A gente não precisa desejar sucesso porque você (Leda) é sinônimo de sucesso”, disse Vera Barroso, que vai substituir a colega no “Sem Censura”.

TV Brasil/Divulgação

Carla Ramos, Liliana Rodriguez, Lucia Leme, Vera Barroso, Gilsse Campos, Eliana Monteiro e Beth Camarão

 

A saída de Leda Nagle do programa não foi amigável. A jornalista e o presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Laerte Rímoli, discutiram publicamente e trocaram acusações. Ela afirmou que sua demissão retratava a “falta de caráter” do atual gestor.

Por sua vez, Laerte Rímoli disse que Nagle não aceitou a demissão e que teria dado “um show” ao receber a notícia.

Controvérsias à parte, Vera Barroso conversará com Lúcia Leme, Gilsse Campos, Beth Camarão, Liliana Rodriguez, Eliana Monteiro e Carla Ramos sobre os 31 anos do programa.

A partir desta segunda-feira (9), o “Sem Censura” volta ao formato ao vivo, com apresentação de Vera Barroso. A atração recebe os músicos Diogo Nogueira, João Bosco, Monarco, Wilson das Neves e Nilze Carvalho, e o historiador Luiz Antonio Simas.

 

 

COMENTE

tv brasilLeda Naglelaerte rimolisen censuravera barroso
comunicar erro à redação