*
 

Lulu Santos é um dos mais importantes hitmakers do Brasil há décadas. O cantor nem deve saber, mas já mudou a vida de muita gente. Um deles é o brasiliense Denilson Bhastos, 29 anos, que, quando ouviu a música “Tempos Modernos”, na abertura de “Malhação” nos anos 1990, teve certeza de que seria músico. Muito tempo depois, na noite de quarta-feira (6/10), os dois se encontraram e passaram a integrar a mesma equipe no “The Voice Brasil”.

“Eu tinha uns 14 anos, morava em Ceilândia. Sempre ouvia a música na abertura de ‘Malhação’. Um dia, ele apareceu no ‘Domingão do Faustão’. Fiquei empolgado e comecei a gritar tanto que minha mãe mandou eu calar a boca”, contou Denilson, em entrevista ao Metrópoles.

Ao que tudo indica, Denilson também tocou Lulu. O popstar chorou e se rasgou em elogios ao músico brasiliense, que cantou “Primavera”, imortalizada na voz de Tim Maia. “Ele (o Denilson) tem luz, integridade e felicidade”, afirmou o carioca.

Black music
Denilson, atualmente, mora em Samambaia Norte. Ele é o líder do grupo Denilson Bhastos & Coral R.Soul, que canta música gospel em diversas igrejas evangélicas do Distrito Federal.

Nesta sexta-feira (7) e no sábado (8), ele se apresentará na Assembleia de Deus de Samambaia Norte. “Sou evangélico. Cresci cantando na igreja e em casa — minha mãe e meu irmão são músicos. Foi tudo natural. Tenho certeza de que meus filhos também vão ser cantores”, brinca Denilson. Atualmente, ele e a esposa, Joice Cristina, são pais de dois meninos e duas meninas.

Janela para o mundo
A ideia de se inscrever no “The Voice Brasil” foi da cunhada de Denilson, Gleici Mirian. Durante três anos, ela insistiu para que o cantor tentasse a sorte no programa global. Este ano, a coisa foi.

Denilson se inscreveu, mandou o vídeo e participou da seletiva do DF. Aprovado, ele foi para o Rio de Janeiro e, de quebra, ainda foi o escolhido para participar do novo formato.

Mauricio Fidalgo/Globo

Carlinhos Brown, Michel Teló, Claudia Leitte e Lulu Santos cantam no “The Voice”

O cantor brasiliense fez a performance com uma cortina. Além dos treinadores, os telespectadores também não enxergavam que cantava.

“Foi uma surpresa. Não sabia, eles não avisam nada. Até achei bom porque fiquei mais calmo. Quando a cortina caiu, o nervosismo veio forte, mas consegui segurar a onda”, comemora Denilson.

O morador de Samambaia agora espera crescer após a participação no programa. “É um grande empurrão. O ‘The Voice’ é uma grande porta, mesmo você ficando pouco tempo no programa. Com certeza vai ajudar na minha carreira, principalmente a do meu coral”, diz.

 

 

COMENTE

The Voice BrasilDenilson Bhastos
comunicar erro à redação