*
 

Os números não andam jogando muito a favor da Record. Mesmo com alterações na programação, como a inclusão de Simba, a audiência não tem melhorado e enfrenta um dos períodos de maiores baixas na emissora.

Segundo o colunista Flávio Ricco, do UOL, a emissora sequer tem perspectivas de melhora, porque não pode interromper a exibição de uma novela. Como resultado, as receitas de publicidade e merchandising têm caído também, o que afeta diretamente o bolso dos apresentadores.

Isso porque parte do dinheiro que entra com esse tipo de anúncio é destinado aos “donos” do microfone. Ainda de acordo com o colunista, Rodrigo Faro e Geraldo Luís estão entre os que foram mais prejudicados com o orçamento mais curto da emissora.

 

 

COMENTE

crise econômicaRecordRodrigo Faro
comunicar erro à redação