*
 

Depois de de montar a retrospectiva do artista pernambucano Cícero Dias, o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) trará a primeira atração internacional do ano às suas galerias de Brasília. As esquisitas (e divertidas) esculturas do austríaco “Erwin Wurm – O Corpo é a Casa” serão apresentadas em 21 de abril, dia em que a capital comemora 67 anos.

Objetos do cotidiano e corpos humanos ganham novos formatos e dimensões incomuns na mão do escultor Ewin Wurm. Para o artista, “a casa é parte do nosso corpo: ela é uma espécie de pele que nos protege, assim como o carro ou a roupa”.

Conheça algumas das obras que devem vir à capital:

Por isso, em suas obras, esses elementos inanimados ganham vida orgânica – uma casa obesa, um vaso sanitário magro, uma salsicha cheia de personalidade, um carro acima do peso. A exposição também contará com vídeos, instalações, performances e intervenções.

No vídeo “Esculturas de Um Minuto”, o austríaco ensina algumas instruções para o público se transformar em uma escultura parecida com a da exposição, organizando uma “performance” a partir dos próprios visitantes.

 

 

COMENTE

CCBBErwin WurmO Corpo é a Casa
comunicar erro à redação