*
 

Dez filmes brasileiros independentes concorrem à segunda edição do Prêmio Netflix, troféu criado em 2013 pelo serviço de streaming. Um dos longas na disputa é “O Último Cine Drive-in”, produção brasiliense dirigida por Iberê Carvalho e estrelada por Othon Bastos. O concurso terá dois vencedores: um por voto popular, aberto até 3 de outubro, e outro por um grupo de jurados. O resultado será anunciado em 5 de outubro.

Os dois longas ganhadores receberão distribuição global da Netflix, serviço de TV por demanda que já acumula 83 milhões de assinantes em 190 países. “Apenas o Fim”, de Matheus Souza, foi o primeiro vencedor da disputa, em 2013.

Em 2013, também participam do prêmio “À Queima Roupa”, “Califórnia”, “Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós Dois”, “A História da Eternidade”, “Levante!”, “My Name Is Now, Elza Soares”, “Obra”, “Porque Temos Esperança” e “Ventos de Agosto”.

Veja a composição do júri:

Divulgação/Netflix

Os jurados em 2016: Hugo Gloss, Fernando Andrade, Lully de Verdade, Alice Braga, César Charlone, Adriana Dutra e Fabrício Boliveira

 

 

COMENTE

cinema brasileiroNetflixIberê CarvalhoOthon BastosO Último Cine Drive-Inalice bragaprêmio netflix
comunicar erro à redação