*
 

A temporada de férias, entre dezembro e janeiro, costuma movimentar os shopping centers com gente em busca de presentes e promoções. Este também é o período do ano em que alguns dos filmes mais aguardados da temporada chegam às telas: candidatos a blockbusters, como animações, episódios de franquias e continuações, e longas que pretendem beliscar uma vaga no Oscar.

Abaixo, listamos os principais filmes que estreiam neste recorte: da primeira semana de dezembro à última de janeiro. Tem de absolutamente tudo.

“Rogue One – Uma História Star Wars” (foto no alto), o primeiro filme não cronológico da saga, a animação Disney “Moana”, o sexto e último “Resident Evil”, a adaptação do jogo “Assassin’s Creed”, o vencedor da Palma de Ouro “Eu, Daniel Blake”, o sério postulante ao Oscar “Manchester à Beira-Mar”…

Fique ligado na programação:

1º DE DEZEMBRO

“Anjos da Noite – Guerras de Sangue”
O quinto filme da franquia de vampiros vs lobisomens tenta renovar a personagem Selene, interpretada por Kate Beckinsale. Ela volta a se associar a David (Theo James, da série “Divergente”) para dar um fim às sangrentas batalhas entre as raças.

“Sully – O Herói do Rio Hudson”
Aos 86 anos, Clint Eastwood adiciona mais um perfil à sua extensa carreira como diretor. Desta vez, ele dramatiza os feitos e as controvérsias de Sully (Tom Hanks), um piloto que conseguiu pousar um avião comercial no rio Hudson, em Nova York, no ano de 2009.

“O Último Virgem”
Com clara inspiração nas comédias juvenis americanas, o filme nacional acompanha um grupo de amigos que tenta fazer com que Dudu (Guilherme Prates) finalmente perca a virgindade. A responsável pela primeira vez do garoto pode ser a professora Débora (Fiorella Mattheis).

8 DE DEZEMBRO

“Fallen”
Mais um best-seller young adult tenta emplacar adaptação nos cinemas, ainda na esteira de “Crepúsculo”, “Jogos Vorazes” e “Divergente”. Em vez de vampiros, lobisomens e distopias violentas, o filme acompanha anjos caídos e episódios de reencarnação a partir de uma moça acusada de ter matado um jovem.

“Michelle e Obama”
Um claro gesto de despedida ao presidente americano Barack Obama e à primeira-dama Michelle, que deixam a Casa Branca após 8 anos de governo. Ambientado em 1989, o filme narra os primeiros encontros entre um jovem calouro de Harvard e uma advogada de Chicago.

“Tamo Junto”
Após o término de um longo relacionamento, Felipe (Leandro Soares) já esfrega as mãos pensando na curtição da vida de solteiro. Mas, aos poucos, ele nota que o mundo adulto é bem mais complicado do que ele pensava. Sophie Charlotte, Fernanda Souza e Fábio Porchat completam o elenco principal.

“A Última Ressaca do Ano”
Sabe aquela festa de fim de ano da firma? A comédia é justamente sobre uma confraternização que passa dos limites. Dois chefes organizam uma balada daquelas para impressionar um potencial cliente e desafiar a CEO vivida por Jennifer Aniston.

15 DE DEZEMBRO

“Neruda”
O prestigiado poeta chileno Pablo Neruda ganha versão cinematográfica nas mãos do conterrâneo Pablo Larraín (“No”). No fim dos anos 1940, o escritor (Luis Gnecco) é perseguido pelo investigador Óscar Peluchonneau (Gael García Bernal) por ter se filiado ao Partido Comunista.

“Rogue One – Uma História Star Wars”
A terceira fase da franquia começou em 2015 com “O Despertar da Força” e já se tornou tradição de dezembro: todo ano tem Star Wars novo na telona. Situada entre “A Vingança dos Sith” e “Uma Nova Esperança”, a aventura narra a missão de um grupo de rebeldes que tenta espionar e roubar os planos de construção da Estrela da Morte, a temida nave destruidora de planetas chefiada por Darth Vader.

22 DE DEZEMBRO

“O Espaço Entre Nós”
Astro de “Hugo Cabret” (2011) e “O Lar das Crianças Peculiares” (2016), Asa Butterfield vive a primeira pessoa nascida em Marte neste drama espacial. Ele visita a Terra pela primeira vez ansioso para conhecer o planeta e faz amizade com a esperta Tulsa (Britt Robertson).

“Minha Mãe É uma Peça 2”
Três anos após o sucesso do primeiro filme, o comediante Paulo Gustavo volta a interpretar Dona Hermínia. Ela volta bem diferente: cheia de dinheiro após emplacar um programa de TV, mas angustiada pela síndrome do ninho vazio. Um netinho nasce para alegrar a casa. Mas a irmã retorna de Nova York para mexer com a paciência da mãezona.

“Sing – Quem Canta Seus Males Espanta”
Produtora dos “Minions”, a Illumination mira boa bilheteria ao juntar os reality shows musicais ao universo de bichinhos falantes das animações. Um coala pretende reformar seu teatro e, para isso, cria uma competição de canto. Animais de todas partes participam do concurso em busca da fama. Fiuk, Sandy e Wanessa marcam presença como dubladores na versão nacional.

29 DE DEZEMBRO

“Animais Noturnos”
O estilista Tom Ford retorna ao cinema sete anos após a estreia como diretor em “Direito de Amar” (2009). Uma galerista (Amy Adams) se sente ameaçada pelo ex-marido (Jake Gyllenhaal), autor de um recente livro de vingança.

“Eu, Daniel Blake” (leia crítica)
Vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes, o filme do britânico Ken Loach aborda um tema muitíssimo atual em qualquer parte do planeta: o desemprego. Na trama, um carpinteiro de meia idade e uma mãe solteira lutam contra a burocracia para receber benefícios do estado.

“Invasão Zumbi”
Um pai ausente viaja de trem com a filhinha a caminho de Busan. Durante a viagem, um surto zumbi varre a Coreia do Sul e, obviamente, também engole os vagões do trem. Um filme de ação frenético e com os habituais contornos melodramáticos do cinema sul-coreano.

“Tinha que Ser Ele?”
O título não poderia ser mais autoexplicativo. Um pai de família (Bryan Cranston) é obrigado a engolir o namorado (James Franco) da filha (Zoey Deutch). Direção de John Hamburg, que fez a ótima comédia “Eu Te Amo, Cara” (2009) e coescreveu a franquia “Entrando numa Fria”.

5 DE JANEIRO

“Até o Último Homem”
Falastrão e controverso fora das telas, o astro Mel Gibson volta à direção neste drama ambientado na Segunda Guerra Mundial. Andrew Garfield encarna o médico Desmond T. Doss, que se tornou o primeiro americano da história a receber a Medalha de Honra sem ter disparado sequer um tiro.

“Moana – Um Mar de Aventuras”
A nova animação da Disney desbrava os mares da Oceania. Curiosa navegadora, a jovem Moana encara águas turbulentas, criaturas marinhas e seres mitológicos para afastar uma perigosa maldição que ameaça as ilhas da região.

“Passageiros”
Astros de franquias de sucesso, Jennifer Lawrence (“Jogos Vorazes”) e Chris Pratt (“Jurassic World” e “Guardiões da Galáxia”) vivem passageiros de uma nave a caminho de um planeta colonizado por humanos. No meio da viagem, os dois são acordados 90 anos antes do previsto.

12 DE JANEIRO

“Aliados”
O filme virou assunto após um suposto caso entre Brad Pitt, recém-separado de Angelina Jolie, e Marion Cotillard – a atriz negou as acusações. Um espião atuante na África e uma militante da Resistência Francesa se envolvem durante a Segunda Guerra Mundial. Direção do experiente Robert Zemeckis, da trilogia “De Volta para o Futuro” e de “A Travessia”.

“Assassin’s Creed”
Michael Fassbender e Marion Cotillard estrelam a adaptação do adorado game “Assassin’s Creed”. Na história, o personagem Callum Lynch visualiza as memórias de um ancestral e descobre toda uma comunidade histórica de assassinos secretos. Marion, Fassbender e o diretor Justin Kurzel repetem a parceria iniciada em “Macbeth – Ambição e Guerra”.

“Manchester à Beira-Mar” (leia crítica)
Um homem (Casey Affleck) totalmente sufocado pelo sofrimento marca este comovente drama sobre luto. Dirigido por Kenneth Lonergan (“Margaret”), o filme já rende apostas para o Oscar 2017 nas categorias principais. O Metrópolesviu e aprovou.

19 DE JANEIRO

“Estrelas Além do Tempo”
Durante a Guerra Fria, as invenções tecnológicas não eram assinadas somente por homens brancos em jalecos. Um grupo de mulheres negras também participou ativamente de descobertas e pesquisas, mas ficaram relegadas da história oficial. O filme narra a trajetória das matemáticas e cientistas da NASA Dorothy Vaughn, Mary Jackson e Katherine Johnson.

“Fragmentado”
Em menos de uma década, Shyamalan viveu os dois lados de Hollywood: foi tratado como gênio à época de “O Sexto Sentido” (1999) e virou objeto de culto cinéfilo ao fazer filmes cada vez mais ousados, como “A Visita”. Em “Fragmentado”, três adolescentes são sequestradas por um homem (James McAvoy) que cultiva 24 personalidades distintas.

“La La Land – Cantando Estações”
Outro filme das férias que já é apontado como forte concorrente ao Oscar 2017. No musical dirigido por Damien Chazelle (“Whiplash”), um pianista de jazz (Ryan Gosling) se apaixona por uma aspirante a atriz (Emma Stone) em Los Angeles.

“A Longa Caminhada de Billy Lynn”
Diretor de “O Tigre e o Dragão” (2000) e “As Aventuras de Pi” (2013), o taiwanês Ang Lee mostra os dois lados da guerra por meio do soldado Billy Lynn. Ele volta aos Estados Unidos para celebrar as vitórias conquistadas no Iraque. Mas suas memórias registram as dores de uma experiência violenta e perturbadora.

“Max Steel”
A aventura adapta o boneco de ação da Mattel, que já fez sucesso em desenhos animados para a TV. O adolescente Max McGrath (Ben Winchell) descobre ter uma imensa energia em seu corpo. Ele se junta ao alien Steel para formar o super-herói e, assim, combater uma malévola força extraterrestre.

“Os Penetras 2 – Quem Dá Mais?”
A comédia sobre malandros cariocas retorna com o mesmo elenco do primeiro filme, lançado em 2012. Marcelo Adnet, Eduardo Sterblitch, Mariana Ximenes e Stepan Nercessian reprisam seus papéis em uma trama que envolve até a máfia russa. Direção de Andrucha Waddington, do debatido drama hospitalar “Sob Pressão”.

“xXx – Reativado”
Estrela das franquias “Riddick” e “Velozes e Furiosos”, Vin Diesel aproveita o melhor momento da carreira para reativar seu personagem de “Triplo X” (2002). Xander Cage, atleta de esportes radicais associado a missões secretas, retorna para desmontar uma perigosa conspiração mundial. Ah, e detalhe: o craque Neymar aparece no trailer e deve fazer uma pontinha no filme.

26 DE JANEIRO

“Beleza Oculta”
Após os sucessos moderados de “Um Homem Entre Gigantes” e “Esquadrão Suicida”, Will Smith retorna à seara dos dramas motivacionais no estilo “À Procura da Felicidade”. Um homem em crise escreve cartas destinadas à Morte, ao Tempo e ao Amor. E recebe respostas inesperadas. O elenco peso pesado reúne Kate Winslet, Edward Norton, Helen Mirren, Keira Knightley e Michael Peña.

“Quatro Vidas de um Cachorro”
Conhecido pelos “dramas caninos” “Sempre ao Seu Lado” (2009) e “Minha Vida de Cachorro” (1985), o diretor sueco Lasse Hallström retorna ao universo pet. Ele acompanha as experiências de um cão ao longo de várias encarnações e ambientes domésticos.

“Resident Evil 6 – O Capítulo Final”
O casal Milla Jovovich (atriz) e Paul W.S. Anderson (diretor) retorna para o que deve significar o encerramento da extensa franquia baseada no game. A heroína Alice revisita Raccoon, cidade onde tudo começou, para reunir aliados e acabar de vez com as ameaças de extermínio levadas a cabo pela Umbrella, responsável pelo vírus zumbi.

“Os Saltimbancos Trapalhões – Rumo a Hollywood”
Sem poder usar animais em seus espetáculos, o Circo Sumatra vive uma grave crise financeira. Didi, Dedé e um elenco de globais como Alinne Moraes, Marcos Frota e Dan Stulbach participam desta sequência do filme de 1981, um genuíno blockbuster brasileiro da época de ouro dos Trapalhões: atraiu 5,2 milhões de pessoas aos cinemas.

Paprica Fotografia/Divulgação

“Silêncio”
Tratado como um projeto pessoal pelo diretor Martin Scorsese (“O Lobo de Wall Street”), o drama histórico adapta romance de Shûsaku Endô sobre dois padres portugueses (Andrew Garfield e Adam Driver) que viajam ao Japão para encontrar seu mentor (Liam Neeson) e pregar o cristianismo. Lá, são recebidos com hostilidade pelas autoridades locais.

 

 

COMENTE

estreiasfilmesstar warsresident evilrogue onerogue one: uma história star warsmoana
comunicar erro à redação